Tour do Rio e seus 797km

Por Pedro Barbosa

Uma das características mais marcantes do Tour do Rio é, sem dúvida, a intensidade da prova. Por se tratar de uma volta relativamente curta, com 797km e cinco etapas, a briga pela camisa de líder é diária com um forte trabalho de equipe e constantes “quebras” e fugas no pelotão. O melhor exemplo disso é exatamente a primeira etapa. Os 158km entre a Barra da Tijuca e Angra dos Reis reserva um ritmo forte do início ao fim. Em 2014, os espanhóis, Oscar Sevilla e Gustavo Veloso, escaparam no trecho final e conseguiram abrir 1’19’’ do pelotão. O percurso não tem grandes montanhas, mas a estrada Rio-Santos tem um sobe-desce que seleciona, e desintegra o grupo.

altimetria

Já para o segundo dia de Tour, serão 175km entre Angra dos Reis e Valença. Ano passado o término foi na cidade de Volta Redonda e nesse ano, na histórica cidade do ciclo do café, Valença. O percurso é mais longo, porém com um único trecho mais seletivo que é a Serra de Lídice, montanha de categoria 2 com 10km e logo no início da etapa. Rafael Andriatto foi o vencedor em 2014.

Terceira etapa entre Valença e Rio das Flores é a novidade para esse ano e será um verdadeiro “rompe pernas”. Com 165km, essa será a primeira vez que o Tour do Rio fará um “intercambio” entre estados. A etapa passará por Minas Gerais nas cidades de Rio Preto e Simão Pereira. Já a altimetria não é das mais seletivas. Com dois “picos” principais nos quilômetros 40 e 90, a etapa provavelmente terá chegada massiva.

A penúltima etapa os ciclistas sairão de Valença e chegarão a Teresópolis. Talvez essa seja a etapa mais seletiva com um ganho superior a 3500m de elevação e o trecho final na serra de Itaipava. Ano passado muitas tentativas de fuga aconteceram, e uma vitória solo do ciclista José Fernandes foi marcante, com mais de 10min para o segundo colocado.

A última etapa é quase que reservada para os sprintistas. Totalmente plana, pela primeira vez os ciclistas sairão de Teresópolis com destino ao Rio. A chegada será na Quinta da Boa Vista e mesmo sendo muito técnica, há favoritismo para os ciclistas mais velozes.

E por falar em ciclistas velozes, o Tour do Rio, além de ser o maior evento da América Latina, faz parte da formação de grandes ciclistas. Na edição de 2010, o ciclista italiano Matteo Pelucchi estava no start list da prova. Exatos cinco anos depois, Matteo é um dos principais ciclistas da equipe suíça IAM Cycling e, recentemente bateu no Sprint o alemão Marcel Kittel no Tour da Polônia, além de ter feito um satisfatório Giro d’Italia.

Para prestigiar o evento, vale a pena se programar e ir assistir ao menos um dos dias do Tour. Abaixo horário, locais de largada e distancias. E, claro, a cobertura completa será feita pelo nosso site e também pelo blog Na Fuga.

 

ETAPA DATA LARGADA PERCURSO KM
26/08 11 horas Rio de Janeiro (Barra da Tijuca)/Angra dos Reis 158
27/08 12 horas Angra dos Reis/Valença 175
28/08 12 horas Valença/Rio das Flores 166
29/08 12 horas Valença/Teresópolis 153
30/08 7 horas Teresópolis – Quinta da Boa Vista (RJ) 145

 

Pedro Barbosa é jornalista e aficionado por ciclismo. Fez o Tour do Rio na sua primeira edição, em 2010, e contribuirá na edição de 2015 com textos e informações relevantes para os ciclistas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s